Ministro do SAC afirma: "Há recurso suficiente para mais 190 aeroportos"

"Nenhum setor conseguiu avançar tanto nos últimos anos como a aviação civil", completa

360

O Ministro da Secretaria de Aviação Civil, Eliseu Padilha, afirmou que há recursos suficientes para implementar o programa de aviação regional, que deve expandir a malha aérea local de 80 para 270 aeroportos.

Padilha relatou ainda que, de 270 aeroportos regionais que devem sair do papel com esse programa, 257 já possuem estudo de viabilidade técnica e 64 têm licenciamento ambiental para parte inicial de obras.

Esses voos também receberão subsídios. Padilha explicou que o governo irá subsidiar as empresas em até 50% dos assentos por voo ou até 60 lugares.

Padilha afirmou ainda que, com a reestruturação da aviação, o Comando da Aeronáutica ganhará mais poder na navegação. "Aeronáutica terá mais poder na navegação e nós menos", disse aos parlamentares. "Vamos separar a navegação aérea para permitir foco na gestão de aeroportos", explicou.

Ele foi convidado a falar na Câmara sobre a situação atual do setor, projetos e investimentos, atrasos, assistência a passageiros, atraso nas obras do aeroporto de Salvador (BA), situação da obra do aeroporto de Fortaleza (CE), ampliação do aeroporto de Teresina (PI) e aviação regional. "Nenhum setor conseguiu avançar tanto nos últimos anos como a aviação civil", afirmou em sua apresentação.

Com Exame