Azul mantém voos internacionais para EUA e Europa

A Azul Linhas Aéreas comunicou que manterá três voos internacionais semanais com direção à Europa e Estados Unidos partindo de Viracopos, em Campinas, entre abril e maio

577

A Azul Linhas Aéreas comunicou que manterá três voos internacionais semanais com direção à Europa e Estados Unidos partindo de Viracopos, em Campinas, entre abril e maio. A ideia preservar uma malha considerada essencial para a conexão do Brasil com o mundo.

As rotas ligam o destino paulista à capital portuguesa, Lisboa, que receberá um voo semanal entre abril e maio, e Orlando, nos Estados Unidos. A outra base da Azul nos Estados Unidos, Fort Lauderdale, recebe um voo por semana em abril, mas, a partir de maio, terá duas frequências semanais. O esforço da companhia em garantir essas rotas internacionais permite o transporte de cargas importantes, como medicamentos e equipamentos, além do trânsito de clientes que precisem viajar.

“Nosso compromisso, neste momento, é manter uma malha aérea essencial para garantir a conectividade do Brasil, tanto internamente quanto com o exterior, bem como o transporte de clientes que necessitem eventualmente viajar ou até mesmo retornar ao seu país, além do transporte de cargas”, ressalta o gerente geral de Planejamento de Malha da aérea, André Mercadante.

O presidente da FENTAC, Sérgio Dias, entende a manutenção regular dos vôos mas explica que as medidas de proteção são essenciais para todos os trabalhadores: “Precisamos assegurar a saúde e medidas de proteção ao trabalhadores. Não adianta termos voos regulares se não tivermos ninguém para realizar esses procedimentos. A vida das trabalhadoras e trabalhadores, junto com dos passageiros, sempre em primeiro lugar”, explica Sérgio.

Veja abaixo como fica a malha internacional da companhia: