Brasília (DF): Sindicato convoca APACs da Security Sata à greve

280

Empresa terceirizada descumpre acordo firmado com a Sindicato Nacional dos Aeroviários e categoria opta por paralisação no aeroporto, em 1 de novembro.

 

Direção do SNA (Sindicato Nacional dos Aeroviários) convoca APACs (Agentes de Proteção de Aviação Civil) da Security Sata, do Aeroporto Internacional de Brasília (DF), à greve no dia 1 de novembro. A empresa terceirizada descumpre acordo firmado com o Sindicato em que garante reajuste salarial e pagamento de domingos e feriados conforme estipulado na CCT (Convenção Coletiva de Trabalho) da categoria.

Entenda o caso

O SNA já havia sinalizado possibilidade de greve em 12 de setembro, caso a prestadora de serviços não apresentasse proposta de acordo para ser debatida em assembleia com trabalhadores e trabalhadoras. Desde que fechou contrato com a administradora do aeroporto Inframérica, a Security Sata descumpre a legislação trabalhista, como a imposição de alteração na jornada de trabalho com aumento da carga horária diária, sem acréscimo nos salários.

Diante da ameaça de paralisação, a Security agendou reunião com o Sindicato em busca de uma negociação. A pauta debatida no encontro foi levada pelos dirigentes sindicais para discussão e aprovada pelos aeroviários e aeroviárias do aeroporto de Brasília. Porém, a empresa terceirizada não honrou o compromisso firmado com seus funcionários e responsabiliza a Inframérica pelo descumprimento do acordo. Já a administradora do aeroporto, por outro lado, afirma não ter responsabilidade sobre o caso.

Diante do impasse a direção do SNA, em conjunto com a categoria, opta por realizar paralisação, em busca de que as reivindicações da categoria sejam atendidas. Dirigentes sindicais atentam para importância da participação dos APACs, que precisam aderir em massa ao movimento.

Saiba mais em nossos artigos:
Brasília (DF): Secutity SATA sinaliza proposta e Sindicato suspende greve
SNA sinaliza greve na Security SATA do Aeroporto de Brasília (DF)

Texto: Ag. Amora | Foto: Divulgação

RePost: SNA