Brasília: Inframérica recua e não disponibiliza estacionamento gratuito para aeroviários

Concessionária iria deixar 200 vagas para trabalhadores. SNA já protocolou audiência no MPT

344

Inframérica, concessionária que administra o Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, voltou atrás e não vai mais disponibilizar as 200 vagas gratuitas no estacionamento para funcionários. A informação é do Sindicato Nacional dos Aeroviários (SNA).

Segundo o Sindicato, a empresa disse que o motivo da desistência é a crise econômica enfrentada no país.  

Por entender a necessidade de disponibilização de estacionamento gratuito para aeroviários o SNA já protocolou pedido de audiência de mediação no Ministério Público do Trabalho de Brasília.

De acordo com a entidade, atualmente os trabalhadores precisam desembolsar R$ 120 mensais para garantir uma vaga no estacionamento do aeroporto, o que inviabiliza para muitos a ida ao trabalho de carro.