Guarulhos: Em audiência no MPT, Sina defende reversão das demissões no GRU Airport

Uma reunião de negociação entre o Sindicato e a concessionária foi agendada para o dia 20 de fevereiro

866

Dirigentes do Sindicato Nacional dos Aeroportuários (Sina) e representantes do GRU Airport participaram na quarta (15) de audiência no Ministério Público do Trabalho da 2ª Região.

A audiência atendeu a um pedido do Sindicato, que denunciou as demissões em massa promovidas pela concessionária que administra o Aeroporto de Guarulhos. O diretor jurídico do Sina, Marcelo Tavares, e o advogado da entidade Dr. Afonso Lemos Jr. representaram os trabalhadores.

Na audiência, foi aberto um canal de negociação entre concessionária e Sindicato. Os representantes sindicais propuseram à concessionária que, caso mantidas as demissões, os trabalhadores recebam dois avisos prévios e a manutenção do plano de assistência médica por seis meses. Além disso, pediram garantias de que não haverá mais demissões esse ano.

Uma reunião de negociação entre o Sindicato e a concessionária foi agendada para o dia 20 de fevereiro . Após, ambos devem comunicar ao MPT o resultado dessa negociação.