Ministério do Trabalho barra criação de Sindicato de Aeroviários de Alagoas

Para o órgão, o Sindicato Nacional dos Aeroviários, filiado à CUT, é o único representante legítimo da categoria

473

O Sindicato Nacional dos Aeroviários (SNA) comemora mais uma vitória na constante luta para impedir o desmembramento da entidade. 

No último dia 28 de setembro, o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) indeferiu o processo de abertura do Sindicato dos Aeroviários do Estado de Alagoas. A determinação foi publicada no Diário Oficial da União.

Segundo o SNA, a tentativa de criação desse sindicato regional contou, na época, com o apoio do então gerente da TAM, que colecionava série de queixas por parte dos funcionários em função de sua postura com a equipe. "Ele foi demitido da empresa há poucos meses", informa o sindicato.

A direção da entidade está comemorando a decisão e informa à categoria que continuará sendo o representante legal e político dos aeroviários e aeroviárias de Alagoas. 

O SNA orienta que os trabalhadores que quiserem entrar em contato com o representante local, deve procurar o dirigente sindical, Fábio Pitombeira, na TAM do Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares.