POA Aeroviários: Por margem apertada, aeroviários aprovam nova CCT e ACT

Com esta aprovação, uma nova versão da CCT passará a valer, assim como um novo ACT, com validade até novembro de 2021

222

Em assembleia realizada nessa quarta-feira (23), na madrugada no Portão C1, e das 8h às 15h no Despacho, 174 aeroviários participaram e escolheram por firmar uma nova Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) e um novo Acordo Coletivo de Trabalho (ACT), este último válido apenas para Gol e Azul.

Dos votantes, 51,7% aprovaram os novos textos, 47,7% rejeitaram as propostas, e 0,6% dos votos foram brancos. Com esta aprovação, uma nova versão da CCT passará a valer, assim como um novo ACT, com validade até novembro de 2021, para os trabalhadores da Gol e Azul. O Sindicato dos Aeroviários de Porto Alegre destaca que, apesar de possuir seu próprio ACT, essas duas empresas também terão cobertura da CCT.

Dentre as mudanças da CCT estão a extensão do pagamento do VA para as férias e licenças médicas até 180 dias e o pagamento de auxílio creche por 24 meses a partir da solicitação. Já as mudanças colocadas no ACT são as seguintes:

  1. Uma recarga do vale alimentação (VA) pago em uma parcela até 5 de fevereiro;
  2. VA durante as férias, licença médica e licença maternidade até 180 dias;
  3. Auxílio creche por 24 meses após o retorno;
  4. Banco de horas de 6 meses;
  5. Folga agrupada mensal, sendo sábado e domingo ou domingo e segunda-feira;
  6. Contribuição assistencial paga pela empresa.

O Sindicato agradece a participação da categoria, que nesta reta final do ano compareceu e escolheu o que julgou ser melhor para si. A entidade ainda destaca a votação apertada, poucas vezes vista em assembleias como esta.

O Sindicato agora encaminhará as documentações da assembleia para o Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (Snea), para as empresas e para o Ministério Trabalho (MT).

RePost: POA Aeroviários