Holanda: Aeronautas participam de curso de gerenciamento de Fadiga

A atividade aconteceu nos dias 10 e 11 de fevereiro, em Amsterdã

292

Os dirigentes do Sindicato Nacional dos Aeronautas (SNA) comandante Marcelo Ceriotti e comandante Tiago Rosa participaram do curso Sistema de Gerenciamento do Risco de Fadiga Humana (FRMS), em Amsterdã (Holanda), ministrado pela JAA (Joint Aviation Authorities), autoridade europeia em treinamentos. A atividade aconteceu nos dias 10 e 11 de fevereiro.

O tema é central para os aeronautas brasileiros, especialmente num momento em que uma comissão de estudos está sendo formada por representantes dos profissionais da categoria e das empresas aéreas para discutir e criar um termo aditivo à atual Convenção Coletiva de Trabalho (CCT).

Com o certificado, os comandantes estão aptos a implementar e fiscalizar programas de gerenciamento do risco de fadiga de tripulantes, assim como para apresentar às autoridades brasileiras as mais modernas práticas de mercado sobre o tema.

O treinamento feito pelos diretores do SNA é o mesmo realizado por gerentes de Safety e reguladores especializados em fatores humanos na Europa, bem como futuros gerentes de empresas brasileiras.

Comissão de estudos

O aprofundamento deste tema será realizado por meio de uma Comissão Paritária, proposta pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST), que mediou as negociações da Campanha Salarial. A comissão, de caráter terminativo, tem até 1º de junho para apresentar ao TST (Tribunal Superior do Trabalho) propostas que dizem respeito às cláusulas sociais da CCT e que envolvem diretamente gerenciamento de fadiga das tripulações e segurança de voo.

Com informações do SNA