Guarulhos: Após paralisação, TAM abre dialogo com os trabalhadores

A categoria luta pelo pagamento do direito à PLR e reivindica melhores condições de trabalho

406

Após paralisação de cerca de 200 trabalhadores de vários setores (rampa, check-in entre outros) da TAM no Aeroporto Internacional de Guarulhos(GRU Airport) no início da manhã desta quarta-feira (1), a empresa decidiu chamar a categoria para conversar.

Os trabalhadores elegeram uma Comissão formada por quatro funcionários para dialogar com a companhia sobre o  pagamento da Participação nos Lucros e Resultados (PLR), assegurada em Lei, além de melhores condições de trabalho e fim do assédio moral. Até o momento, a categoria permanece em assembleia. 

O movimento é organizado pelo Sindicato dos Aeroviários de Guarulhos (Sindigru/CUT). De acordo com o Sindicato, no início da manhã, cinco voos sofreram atrasos. 

Do Sindigru