CNTTL/CUT repudia criação de sindicato estadual de aeroviários em Salvador

O processo de criação, ocorrido no dia 8 de julho, aconteceu de forma fraudulenta

400

O Portal FENTAC/CUT publica a seguir nota da CNTTL/CUT que rechaça a fundação fraudulenta do Sindiaero-Salvador. A Federação concorda e manifesta apoio ao legítimo representante dos aeroviários baianos: o Sindicato Nacional dos Aeroviários (SNA). Leia a seguir:

 

A CNTTL/CUT, entidade que representa seis milhões de trabalhadores nos modais dos transportes rodoviário, ferroviário, metroviário, moto-táxi, portuário, marítimo, viário, aéreo e cargas no Brasil, repudia a criação do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Aeroviários da Bahia (Sindiaero), filiado à Central dos Trabalhadores do Brasil (CTB).

O processo de criação, ocorrido no dia 8 de julho, aconteceu de forma fraudulenta e não respeitou a vontade soberana dos principais interessados: os trabalhadores aeroviários baianos.

Além do mais, a base da categoria  em Salvador já é representada pelo Sindicato Nacional dos Aeroviários (SNA), entidade cutista, filiada à Federação Nacional dos Trabalhadores em Aviação Civil da CUT (FENTAC).

Com a finalidade de fundá-lo a qualquer custo, integrantes da CTB agiram de forma truculenta,  colocaram policiais armados à paisana que não permitiam a passagem dos aeroviários e aeroviárias para participar da assembleia de criação.

Também foram barrados militantes da CUT e trabalhadores contrários  à  criação deste Sindicato estadual, e que defendem o SNA.  Segundo relatos de companheiros cutistas, um representante de cartório elaborou uma lista com o nome de todos os impedidos de votar.

Estes fatos são vergonhosos e mostram que não se constrói um sindicato legítimo por meio de invasão de base, mas sim com respeito, transparência e democracia, princípios do bom sindicalismo, que valorizam os direitos dos trabalhadores.

Uma coisa é certa: o Sindiaero não representa os trabalhadores aeroviários de Salvador. Medidas legais cabíveis já foram impetradas pelo SNA para anular essa farsa.

A CNTTL/CUT, os sindicatos e federações filiadas em todo o Brasil reprovam essa atitude anti-democrática, manifestam total apoio ao Sindicato Nacional dos Aeroviários da CUT, verdadeiro representante legal dos aeroviários da Bahia.

Direção da CNTTL/CUT